Simpósio de Qualidade: ControlLab mostra como tirar maior proveito do ensaio de proficiência

A ControlLab participou em dezembro da décima edição do Simpósio de Garantia de Qualidade, que reuniu farmacêuticos, biomédicos, médicos patologistas, residentes e profissionais de laboratórios em São Paulo. Promovido pela Divisão de Laboratório Central (DLC) do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, o encontro discutiu a segurança dos exames laboratoriais.

Rafael Soares, gestor de Serviços da ControlLab, apresentou a palestra “Ensaio de Proficiência: novas abordagens para a melhoria do exame laboratorial”, com o desafio de levantar o que há de novo sobre um tema que já se tornou comum nos laboratórios brasileiros. Lembrando que a empresa já teve várias participações nesse simpósio, Soares explica que, há até algum tempo atrás, o foco era apresentar a ferramenta e a sua importância. Hoje, porém, a ideia é falar sobre como maximizar o uso do ensaio de proficiência.

“Por isso a abordagem envolveu o uso paralelo de outras ferramentas de controle de qualidade, como controle interno, validação e verificação de processos analíticos, serviços que também são oferecidos pela Controllab”, comenta. “Durante a palestra, demonstrei que problemas como o de linearidade e calibração também podem ser evidenciados no programa de ensaio de proficiência e confirmados com as ferramentas de validação de processo”, exemplifica Soares, ressaltando a importância de ter um controle de qualidade eficaz e que simule a realidade dos laboratórios.

O gestor de serviços destaca a participação do público da palestra, que se mostrou interessado em se aprimorar. Os participantes puderam também assistir a debates em mesas-redondas, com temas como “Gestão de riscos na garantia de qualidade na fase analítica” e “Especificações analíticas da qualidade: reduzindo o erro laboratorial”.

O evento foi coordenado por Maria Elizabete Mendes, chefe do DLC do Hospital das Clínicas; Nairo Sumita, médico patologista do Hospital das Clínicas; e Alberto José da Silva Duarte, diretor do DLC.

Foto: Público presente no evento

 
 
 
 
No 49º CBPC, ControlLab mostra seus serviços e compartilha conhecimento

Representantes dos laboratórios clínicos preocupados com a confiabilidade dos seus laudos tiveram mais uma oportunidade de aprimorar a qualidade do trabalho durante o 49º Congresso da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML), que aconteceu de 29 de setembro a 2 de outubro, em Fortaleza.

Nos intervalos entre cursos, conferências e lançamentos de publicações, visitantes que procuraram o estande da ControlLab no pavilhão de exposições puderam trocar ideias com especialistas da empresa. Clientes do ensaio de proficiência, por exemplo, levaram relatórios para tirar dúvidas.

“Isso é muito importante, mostra que o participante do congresso está muito preocupado com a qualidade”, avalia Claudio Bastos, analista de Serviços. “Alguns queriam entender melhor o que estava errado, quais as causas das inadequações”, exemplifica ele, acrescentando que houve também uma procura grande por informações sobre serviços da empresa, por pessoas que não são clientes. Um exemplo foi o interesse por Verificação da Linearidade.

A demanda por esclarecimentos sobre indicadores laboratoriais também foi grande, devido ao já tradicional curso sobre o assunto, uma parceria entre a ControlLab e a SBPC, que ocorreu durante pré-congresso, no dia 28 de setembro. É um dos cursos mais procurados do evento, como lembra o farmacêutico Fernando Berlitz, um dos palestrantes. “Essa excelente aceitação do curso nos mostra que existe interesse pelo tema entre os laboratórios brasileiros e que há um continuado movimento de adesão a essa prática de gestão tão importante para o nosso mercado”, comemora ele.

O curso tem formato teórico-prático, dando chance aos participantes de terem uma vivência simulada na construção, análise e tomada de ação frente a diferentes indicadores de desempenho utilizados nos laboratórios. Os participantes são divididos em grupos; ao final das dinâmicas, as equipes apresentam seus trabalhos, o que proporciona o compartilhamento do conhecimento. O público do curso é bem diversificado, como destaca Berlitz: “Há representantes de laboratórios com experiência no uso de indicadores e que proporcionam aos participantes menos experientes um crescimento baseado em experiências reais e não somente em conhecimentos teóricos originados da literatura”. Ainda de acordo com ele, os participantes que já utilizam a prática de indicadores há mais tempo também ganham: “ Seja pela troca de experiências frente a outras visões e realidades dos demais laboratórios ou pela troca com os moderadores do curso”.

Colaboradores da ControlLab também participaram do curso, como Luiza Bottino, supervisora de Serviços, que falou de benchmarking de indicadores, e Rafael Lopes, gestor de Serviços, que discorreu sobre projetos do programa para os próximos anos.

Ainda durante o congresso, a associação que o público faz entre a implementação do controle de qualidade nos laboratórios com a forma de cultivar e manter uma planta fez com que o estande da ControlLab ficasse ainda mais cheio na hora dos sorteios das orquídeas, o que ocorria duas vezes por dia. Também foram distribuídos outros “brindes ecológicos”, como mudas de plantas suculentas e exemplares do lápis-semente, aquele que, depois de ser muito apontado, quando está pequeno demais, pode ser enterrado e gerar uma planta porque tem sementes numa cápsula na extremidade.

Trabalharam no atendimento ao público no estande da ControlLab também Bruno Cabral, supervisor de vendas, e Julio Oliveira, atendente de vendas. O congresso da SBPC reuniu cerca de 3.800 pessoas.

Foto: Estande da ControlLab no CBPC/ML

 
 
 
 
CBAC 2015: Apresentação de serviços e distribuição de brindes ecológicos em evento acima das expectativas

A participação da ControlLab no 42º Congresso Brasileiro de Análises Clínicas (CBAC), de 22 a 24 de junho, no RioCentro, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, superou este ano as expectativas da empresa, que registrou uma grande movimentação de visitantes no estande, todos interessados em aumentar a confiabilidade dos laudos laboratoriais.

A empresa aproveitou o evento para apresentar serviços como a validação de processos. Como destaca Bruno Cabral, gestor de Clientes da ControlLab, e responsável pelo estande da empresa no CBAC, é importante que todos os laboratórios “verifiquem e validem seu sistema analítico antes de inseri-lo em sua rotina, e isso também precisa ser feito de forma periódica a fim de identificar mudanças significativas em seus processos”.

Com esse objetivo, a ControlLab oferece um conjunto de ferramentas que fecha o ciclo da qualidade analítica do laboratório. São ferramentas que se aplicam também a fabricantes e fornecedores, tais como: Precisão; Carreamento; Verificação da Linearidade; Estudos de Interferentes; Recuperação; Painel de Performance; Validação Lote a lote/ remessa.

Quem foi ao estande também conheceu produtos como o Ensaio de Proficiência para Dengue NS1; a Calibração e Qualificação para Autoclave e Estufas; e a Calibração de Balanças. Pôde sair de lá informado também sobre novos segmentos em que a empresa está atuando como Controle de Qualidade em Saneantes; Controle de Qualidade em Cosméticos; Controle de Qualidade em medicamentos; Controle de Qualidade em Alimentos e Bebidas; Controle de Qualidade em Farmácia de Manipulação; Controle de Qualidade em Meio Ambiente; Controle de Qualidade em Água e Produtos Estéreis (neste caso, uma ampliação do serviço).

A ControlLab se destacou ainda entre 79 empresas expositoras com o novo layout do seu estande, que este ano foi maior, ocupando 36 m².

Passaram por lá 505 pessoas, que levaram consigo em torno de 2000 informativos impressos, entre folders e exemplares do “Qualifique”. Foram mais de 30 folhetos diferentes tanto sobre os lançamentos quanto sobre os serviços já oferecidos.

Como forma de simbolizar a preocupação da empresa com a sustentabilidade, este ano, além do sorteio de orquídeas (foram 200 vasos) e da distribuição de 300 mudas de plantinhas suculentas, a ControlLab inovou com um outro brinde ecológico: o Lápis Semente. Feito de madeira de reflorestamento, o lápis tem um compartimento com sementes numa das pontas. Quando o lápis chega ao fim, é só plantá-lo na terra adubada para gerar uma muda. Os 750 lápis distribuídos pela ControlLab traziam sementes de mutamba e fizeram grande sucesso no CBAC.

Entre outros colaboradores da ControlLab, também estiveram no estande Rafael Lopes e Adriana Sá, da Gestão de Serviços, e o fundador da empresa, Sr. Márcio Biasoli, que levou sua coleção de livros infantis para autografar e presentear os visitantes.

Foto: Equipe ControlLab em estande no CBAC

 
 
 
 
 
Lançamentos também no Hemo 2014

Durante o Congresso Brasileiro de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular, que aconteceu de 6 a 9 de novembro, em Florianópolis, a ControlLab apresentou dois novos produtos: o Ensaio de Proficiência e o Controle Interno para o sistema HemoCUE, de equipamentos portáteis para análise de hemoglobina. A empresa também aproveitou o evento para anunciar que vai lançar em janeiro o programa de Ensaio de Proficiência para Hemoglobina S (que detecta anemia falciforme) voltado para triagem de bolsas para transfusão de sangue.

Cerca de 600 pessoas passaram pelo estande da ControlLab no Hemo 2014. De acordo com o analista de Serviços Claudio Bastos, que trabalhou no evento ao lado de Júlio Oliveira, da área de vendas, em sua maioria os visitantes já conheciam a empresa e foram ao estande em busca de mais informações sobre os produtos. Muitos levaram para casa também mudas de plantas como lembrança; foram distribuídas 300 delas.

Foto: Equipe ControlLab em estande do Hemo

 
 
 
 
CBPC: ControlLab lança produtos, participa de palestras e apresenta bateria mirim de projeto social na Mangueira

A ControlLab vai entrar 2015 com novos itens no cardápio de ensaios de proficiência – o aumento é de 50% no número de ensaios - e aproveitou o 48º Congresso Brasileiro de Patologia Clínica/ Medicina Laboratorial (CBPC/ML) para apresentar seus lançamentos. Durante o evento, que ocorreu de 9 a 12 de setembro, no Centro de Convenções Sul América, no Rio de Janeiro, colaboradores da empresa também ministraram cursos e palestras, em linha com a proposta da ControlLab de compartilhar experiências e contribuir para o aprimoramento das atividades laboratoriais.

Luiza Bottino, supervisora da Gestão de Serviços, ministrou uma aula no curso “Indicadores Laboratoriais - uma abordagem prática baseada em experiência nacional e internacional e nas resoluções da Agência Nacional de Saúde (ANS)”, que ocorreu no pré-congresso; já Rafael Soares, gestor de Serviços, participou de duas mesas redondas. Na primeira delas, no dia 9, o tema foi “Melhoria de processos a partir de ensaio de proficiência: situações reais para validar a teoria”, na qual apresentou a visão do provedor. Antes da apresentação de Rafael Soares, Carla Albuquerque, assessora da ControlLab, mostrou como funciona o ensaio de proficiência; depois da apresentação de Rafael foi a vez de Daniani Remor Canali, do Santa Luzia (SC), dar a visão do laboratório.

Já no dia 12, o gestor de Serviços da ControlLab participou da mesa redonda “Otimização do processo analítico”. De acordo com Rafael Soares, foi uma interessante troca de experiências. “Foi uma palestra bem ampla, falamos de assuntos variados como Sigma, ensaio de proficiência e especificação da qualidade”. Segundo ele, o resultado da pesquisa de satisfação foi muito bom. “Parece que atendemos às expectativas com os conteúdos abordados”.

Cerca de 3.500 pessoas passaram pelo estande da empresa durante o CBPC/ML, receberam folders sobre os produtos e participaram do sorteio de orquídeas. De acordo com Bruno Cabral, supervisor de vendas da empresa, foram dois sorteios por dia, e em cada um deles 10 visitantes eram contemplados com as flores. Ao todo, 70 orquídeas foram doadas ao fim do evento, além de mudas de suculentas e cactos, plantas que já se tornaram a marca registrada da participação da ControlLab em feiras e congressos.

Também como já é tradição nos eventos, Marcio Biasoli, fundador da ControlLab, aproveitou a ocasião para lançar “Kariki, o reizinho”, o sétimo livro de sua série infantil estrelada pela indiazinha Tiçá. Desta vez, no entanto, a participação da ControlLab no CBPC/ML terminou de forma diferente: com uma apresentação do grupo de percussão formado por crianças da comunidade da Mangueira, que fica próxima à ControlLab, na Zona Norte do Rio. O curso de percussão é uma das atividades do projeto social L’Avenir, patrocinado pela empresa. Das 25 crianças que cursam as aulas de percussão, 15 se apresentaram aos congressistas.

Foto: Estande da ControlLab recebendo visitantes no CBPC/ML

 
 
 
 
Gestão de qualidade para fiscais da Vigilância Sanitária no Paraná

A ControlLab participou em agosto do curso Capacitação em Sistema de Gestão da Qualidade, promovido pelo Laboratório Central (Lacen) do Estado do Paraná em associação com a Vigilância Sanitária. O evento, que ocorreu nos dias 19 e 20 de agosto, teve como objetivo municiar uma turma de cerca de 70 fiscais sanitários com informações sobre controle de qualidade nos laboratórios.

Luiza Bottino, super visora, e Rafael Lopes, gestor de Serviços da ControlLab, deram no dia 20 uma aula sobre os aspectos mais gerais do Ensaio de Proficiência e do Controle Interno, dois instrumentos de gestão da qualidade que, juntos, asseguram a confiabilidade dos laudos. “A ideia era mostrar como funcionam essas duas ferramentas para ajudar esses fiscais em suas incursões aos laboratórios”, explica Luiza, lembrando que, com mais conhecimento, os funcionários da Vigilância Sanitária podem aprofundar as perguntas durante a inspeção. Eles podem, por exemplo, avaliar se os laboratórios fazem uma análise crítica dos resultados. “Com mais informação, os próprios fiscais podem sugerir melhorias no processo”, completa ela.

A aula foi teórica, mas com bastante participação. Os alunos, segundo a supervisora da Gestão de Serviços, fizeram muitas perguntas e levaram exemplos de sua rotina para a discussão. “Foi uma apresentação dinâmimica", finaliza ela.

Foto: Rafael Lopes e Luiza Bottino da ControlLab

 
 
 
 
ControlLab apresenta seus serviços no 41º CBAC

A ControlLab aproveitou a 41ª edição do Congresso Brasileiro de Análises Clínicas (CBAC), evento promovido pela Sociedade Brasileira de Análises Clínicas (SBAC) de 1º a 4 de junho em Porto Alegre, para apresentar os seus serviços a laboratórios interessados em garantir a qualidade e a confiabilidade dos seus laudos.

De acordo com Bruno Gameleiro Cabral, gestor de Clientes da ControlLab, houve muita procura por informações a respeito dos serviços de controle de qualidade, em especial sobre o programa de Controle Interno. Aos que ainda não conhecem o programa foi oferecido, por meio de sorteio, o Controle Interno de Hematologia gratuitamente por quatro meses. Foram dois laboratórios contemplados por dia, no total de seis sorteados ao fim do congresso. Participaram do sorteio 160 laboratórios de 19 estados do país.

Cerca de 253 visitaram o estande da ControlLab, onde puderam deixar seus contatos para obter mais informações sobre os serviços de maneira geral. Elas receberam o portfólio da ControlLab e exemplares do boletim informativo “Qualifique”. Como já é tradição nos eventos, os visitantes do estande da ControlLab levaram para casa mudas de plantas, como suculentas e cactos, uma das marcas da empresa na atuação pela preservação da natureza. A procura foi grande e, só no primeiro dia de evento, foram distribuídos 140 brindes, bem mais do que o esperado. Ao fim, foram distribuídas 300 mudas para os visitantes, além de 85 plantas dadas aos demais estandes participantes do evento.

Foto: Estande da ControlLab